A armadilha do Tinder

O Patriarca andava para comentar o caso da vaca que embarretou 1000 gajos no Tinder, e do quão patéticos eram os próprios. No entanto, às vezes alguém expõe os teus argumentos de uma forma tão clara e completa, que não vale a pena estar a reinventar a roda e mais vale postar o link.

Os Betas podem ser a espinha dorsal da civilização, mas quando passam determinados limites de subserviência também são a causa do fim.

5 comentários em “A armadilha do Tinder”

  1. Concordo com o BlackDragon.
    Quando vi o vídeo não queria acreditar que aquilo que aqueles palhaços estavam ali a fazer era a sério (para eles). Alguns até andaram à porrada por causa dela.
    Cada um tem o que merece, os betas amestrados tiveram isso e na realidade, se é este o material que as mulheres que só se safam no mercado graças a apps atraem, então essas também têm o que merecem.
    Volto a dizer, isto já começa a ser repetitivo, que com o fim do patriarcado os homens transferiram a sua referência mental do ideal masculino para o feminino, e é bom que arrepiem caminho.
    Numa sociedade ginocêntrica que dá prémios a quem agrada às mulheres, e castigos a quem adopta a masculinidade, os rebanhos de betas amestrados crescem exponencialmente. Estes milhares de betazitos que a escolheram no Tinder são uma pequena amostra do que vai na sociedade ocidental. Isto é no Tinder, mas o mesmo acontece na sociedade, no trabalho, no lazer, etc.
    Mas volto a dizer: cada um tem o que merece.

  2. E desmontando a suposta crítica que essa senhora fez ao Tinder:
    ela queixa-se precisamente daquilo que as mulheres fazem. Alguma vez uma mulher escolhe um homem por causa da personalidade dele, num mercado que premeia a hipergamia? Os conventos devem estar cheios de mulheres criteriosas…
    Por outro lado, alguma vez os homens escolhem uma mulher pela personalidade dela? Desde logo, ONDE é que na sociedade ocidental as mulheres mostram a sua personalidade?? No tamanho da copa, nos saltos altos? No decote? Nas transparências? Nos gritos de ordem nas manifs?
    eheheheheh

  3. @Myrddin Emrys

    Correcto, esta situação ironicamente é daquelas em que praticamente todo o moderno ideário feminino de berçário male-shaming se aplica as-is.

Deixar uma resposta